sábado, 13 de março de 2010

Bangu 2, Madureira 1, destaque para Tiano, autor dos dois gols banguenses.
Destaque também para 60 segundos dedicados à algo inesperado.
Sessenta segundos antes do apito que indicava o inicio da partida no Moça Bonita, o árbitro pediu silêncio por um minuto. Não para algum dirigente ou ilustre banguense falecido.
Um minuto de silêncio em luto econômico, pela perda financeira do Rio referente à
emenda que alterou a participação dos estados brasileiros nos royalties do pré-sal .

São R$ 5 bilhões a menos nos cofres fluminenses, que teoricamente inviabilizaria a organização da Copa do Mundo e das Olimpiadas.
Como assim, não vai ter Copa?
Claaaro que vai, arruma-se facilmente um jeitinho bem brasileiro pra sair dessa, mole mole.

E o luto continuará no jogo entre Flamengo e Vasco. Segundo a coluna de Ancelmo Gois, no jornal "O Globo", os times entrariam em campo, lado a lado, com os dizeres ''Contra a covardia, em defesa do Rio''.

Lado a lado... de um lado, ''o poder'' não é mais tão poderoso e Dodô poderá ficar no banco, e o Império do Amor não precisa ser um império, com esses problemas do Adriano e jogando contra o Vasco, só o Love já tá bom, mas o Adriano joga, o que facilita mais ainda a missão Rubro-Negra.

E que venha o tetra...
(ou tri né, nego tá com uma mania esquisita de diminuir o número de títulos do Flamengo)

2 comentários:

  1. Vc e minimamente engraçado .
    O blog ta maneiro mlk,e po ve se nao dorme no trem e vai parar em um lugar tao longe que nao tenha mais caminho de volta hein :D

    ResponderExcluir
  2. To amando as suas postageens!
    Ta arrazando Caio ;)

    Beijoos

    Ju

    ResponderExcluir